Expressa o facto no momento em que se fala. Pessoal e transmissível.
01
Jun 12
publicado por José Maria Barcia, às 06:23link do post | comentar

Isto não pode ser, diz ela sem poder dizer que não. Eu sei que não pode ser, eu sei que tens uma relação, diz ele, querendo mas lembrando-se do passado. Mas eu gosto de ti, eu era capaz de me apaixonar por ti. Não te amo, amo-o a ela. Mas era capaz de te amar. Dá-me 48 horas para ver se te posso amar, desculpa-se ela. Sabes que eu não serei assim amanhã, o fim desta noite é uma despidada. Amanhã não vai ser assim, moraliza ele.

 

Eu sei, mas eu quero. Leva-me à praia, sim. À uma e meia, acordo-te, ligo-te ao meio dia e vens-me buscar.

 

Ok.

 

Gostas de mim?

 

Não posso responder. Conheci-te hoje, como é que posso responder a isso?

 

Eu gosto de ti. Como é que podes dizer isso? Conheceste-me hoje, à umas horas. Sim, mas eu gosto de ti. Há coisas que não se explicam.

 

Vamos, para onde não há luz. Olha para mim, e ela? Como é que te vais sentir quando fores dormir com ela?

 

Gostas de mim?

 

Gosto de estar contigo.

 

Eu gosto de ti.

 

(...)

 


Contacto
indicativoblog@gmail.com
Posts mais comentados
59 comentários
3 comentários
3 comentários
3 comentários
1 comentário
comentários recentes
!!!!!!!! que texto!
Acabo de caer de casualidad ( nunca creeré ...
sim Prémio Nobel da Paz, os gajos deviam era receb...
Incrivel como é logo assumido que sou do sexo masc...
Deita essa porcaria para o lixo, pois já não serve...
Pois é Duarte! Mas estes tipos só vêem bola e nove...
Estou 100% de acordo contigo Filipa! Contra estrat...
Boa! Gostei dessa
Se um dia eu chegar ao Governo de Portugal, tu e o...
Isto devia ir até ao Tribunal Penal Internacional!
arquivos
2013:

 J F M A M J J A S O N D


2012:

 J F M A M J J A S O N D


pesquisar neste blog